Covid-19: Não é momento de restrições ao comércio no combate à pandemia, decidem prefeitos da AMPLASC

Publicado em 19/06/2020 às 18:22 - Atualizado em 19/06/2020 às 18:22

Por meio de reunião virtual realizada na manhã desta sexta-feira (19) os prefeitos da AMPLASC avaliaram os dados da pandemia da Covid-19 na região e analisaram possíveis medidas a serem tomadas de forma coletiva.

Atualmente são 98 casos confirmados na região, destes 61 ativos, não houve a necessidade de internamento hospitalar e nenhum registro de óbito até o momento. Neste contexto em que o vírus se apresenta em grau leve, os prefeitos descartaram o fechamento de estabelecimentos comerciais ou industriais.

Os gestores municipais vão reforçar ações preventivas com limitação de acesso de pessoas no comércio, especialmente em alguns horários. Pretendem ainda aumentar os pontos com produtos de higienização nos estabelecimentos (álcool em gel) dentro do espaço interno, muito além da disponibilização já existente na entrada dos comércios.

Em relação a testagem em massa, caberá cada município adotar o procedimento, respeitada a sua realidade local. Com a colaboração da população usando máscaras, cujo uso é obrigatório, o distanciamento entre pessoas e evitar aglomeração, os prefeitos esperam conter a disseminação do covid-19 na região.

Segundo o presidente da AMPLASC, Lucimar Salmória (Prefeito de Abdon Batista) embora os casos estejam controlados e o bom índice de recuperados, o monitoramento da pandemia é constante, e, caso haja necessidade de alguma medida restritiva, ela seguirá os critérios sanitários adotados pela autoridade sanitária do Estado.

Fonte: Assessoria de Comunicação da AMPLASC

 


publish